• Alexandre Tatsuya Iida

Dorayaki|ドラ焼き



Olha, se tem uma coisa que sou bem apaixonado pelos doces japoneses, é o Anko. A pasta de Feijão Azuki. E ainda tem essa massa ainda preservando a silhueta do feijão , o TSUBU AN 粒餡 e a que está totalmente esmagada, chamada de KOSHI AN こしあん.


Aí você pega essa massa e usa como recheio entre duas panquecas frescas e perfumadas, no estilo bolo de Castela. Esse ”Sanduíche” de panquecas com o recheio de Anko, é o famoso DORAYAKI.


O nome Doryaki vem de DORA 銅鑼 que é o Gongo. E olhando bem, o doce tem absolutamente o mesmo formato. E Yaki quer dizer assado, já que as panquecas são assadas na chapa. Há também a lenda de MUSASHIBÔ BENKEI, que sofreu um ferimento na mão e foi socorrido por populares. Então, para retribuir, ele misturou farinha e água, e fez panquecas em cima de um gongo que não se usava mais na vizinhança. Depois cobriu colocou a massa de pasta de feijão azuki como recheio. Porém o surgimento da massa ANKO foi no Período Kamakura (1192-1333) e Benkei havia falecido em 1189, o que torna a tese inconsistente.




Agora, no meu tempo de criança quando adorava ler os mangás do DORAEMON ドラえもん, um gordinho robô no formato de um gato (só que sem orelhas, pois foi comido por ratos, enquanto dormia) amava comer esse doce. E os desenhistas Fujiko e Fujio desenhava o protagonista comendo com tanto gosto, que passei a adorar o doce.





Na verdade adoro até hoje! Ficou com vontade? A grande notícia é que a Marisa Ono estará no dia 30/12 junto com a Viviane Wakuda, na Rua José Ferreira da Rocha 49, uma vila que você acessa pela Rua Fagundes, no bairro da Liberdade, vendendo justamente esse doce e outras delícias!


A venda acontece a partir das 10:00 às 14:00 e costuma acabar bem antes. Então eu sugiro ir de manhã.



Logo.png
LOGO BRASIL.png

© Adega de Sake 2004. Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução parcial ou total das informações